15 Feb 2022

Microminerais: auxílio durante o período de transição de vacas leiteiras

Durante o período de transição, intervalo compreendido entre as três semanas que antecedem o parto e as três semanas após, […]

Microminerais: auxílio durante o período de transição de vacas leiteiras

Durante o período de transição, intervalo compreendido entre as três semanas que antecedem o parto e as três semanas após, as vacas leiteiras enfrentam uma desregulação de sua função imunológica, que tem sido reconhecida como fator central para o desenvolvimento de doenças metabólicas e infecciosas (por exemplo, cetose, abomaso deslocado, mastite, metrite, etc.).
Esse período é caracterizado por mudanças marcantes no estado endócrino do animal e uma redução no consumo de alimentos enquanto a demanda de nutrientes para o feto em desenvolvimento e a lactogênese iminente estão aumentando.
Além disso, vacas leiteiras sofrem desregulação imunológica na época do parto, o que tem sido associado principalmente ao início da lactação e não ao parto em si. Além disso, estudos realizados na última década indicam claramente que vacas leiteiras adultas sofrem estresse oxidativo (OS) na época do parto.
A OS ocorre quando há um desequilíbrio no equilíbrio redox que leva a dano e/ou disfunção celular e tem sido proposto como o nexo entre os sistemas metabólico e imunológico das vacas durante esta fase.
O estresse metabólico descreve a resposta catabólica hipermetabólica a essa ruptura na homeostase fisiológica e é caracterizado pela excessiva mobilização de lipídios, disfunção imune e inflamatória e estresse oxidativo. Esses três processos estão intrinsecamente ligados e resultam em distúrbios imunológicos e metabólicos que estão associados a um risco aumentado de doenças metabólicas e infecciosas durante esse período.
O estresse oxidativo caracteriza-se pelo desequilíbrio entre moléculas oxidantes e antioxidantes, que resulta na indução de danos às biomoléculas pelos radicais livres, gerando um estado pró-oxidante que favorece a ocorrência de lesões oxidativas em macromoléculas e estruturas celulares.
Em ruminantes, o excesso de radicais livres é responsável por vários processos patológicos, como por exemplo, hepatopatias, inflamações, mastites, anemias dentre outros.
Além disso, no período de transição as vacas acabam sofrendo mais com as condições ambientais e o estresse térmico acaba agravando esse cenário, resultando em:

Diminuição no consumo de ração,

Aumento do grau de estresse oxidativo e

ABvista agriNews FM pt

Desregulação do sistema imune das vacas.

Alta proporção de distúrbios tem sido observada em vacas leiteiras em período de transição que passam por condições de estresse térmico.
As condições ambientais do estresse térmico podem afetar o sistema imunológico por mecanismos complexos, incluindo mudança de temperatura corporal, adaptação comportamental e hormonal, ajuste circulatório e estresse oxidativo.
MicromineraisFornecer sombra, uso de ventiladores e nebulizadores são estratégias comumente adotadas para melhorar o desempenho e o estado imunológico de vacas leiteiras pós-parto submetidas a estresse calórico. É importante também ter água disponível e de boa qualidade.

Como a suplementação com microminerais pode auxiliar no período de transição?

A suplementação de Zn, Mn, Cu e Se, que são componentes de enzimas antioxidantes como glutationa peroxidase (GPx) e superóxido dismutase (SOD), têm sido estudadas como estratégias alternativas para aliviar os efeitos deletérios do estresse térmico na imunidade, status e desempenho dos animais.
Portanto, é plausível que a suplementação de minerais possa ajudar a mitigar os efeitos adversos causados pela carga de estresse térmico em vacas leiteiras no período de transição.
Devido à deficiência alimentar de Zn, Cu, Mn e Se em vacas leiteiras, seja por meio de antagonismos ou dietas desequilibradas, a suplementação desses minerais tem sido e estudada em bovinos leiteiros. Estudos recentes utilizaram a suplementação  desses minerais traço de forma injetável e observaram melhoria na saúde e maior concentração sérica de SOD de vacas leiteiras quando suplementadas 30 dias antes do parto e durante o segundo mês de lactação.
De maneira geral, o uso dos microminerais Zn, Cu, Mn e Se em vacas no período de transição pode:

Nucleovet 062022
Vetanco
perstorp-pt
Yes

Além de todos esses benefícios, ocorre também a maior relação neutrófilo/linfócito que representa o maior potencial inflamatório ao longo dos primeiros dias pós-parto, o que contribui para maior capacidade de eliminação dos patógenos uterinos.
Um estudo recente realizado por autores do Texas Tech University (SIlva et al., 2021) avaliou o uso de suplementação injetável de minerais traço contendo Cu, Se, Zn e Mn na saúde, desempenho,  estresse oxidativo de vacas leiteiras no período de transição submetidas ao estresse calórico.
Um total de 923 vacas multíparas de 2 fazendas leiteiras comerciais foram alocadas aleatoriamente em dois tratamentos: controle e suplementação mineral injetável (ITMS).

período de transiçãoAs vacas ITMS tenderam a ter menor incidência de metrite e natimortos em comparação com o grupo controle. Além disso, ITMS melhorou o estado inflamatório de vacas leiteiras submetidas ao período de transição.

No entanto, o tratamento com ITMS não influenciou a incidência de outras doenças (por exemplo, mastite, retenção de placenta), produção de leite, desempenho reprodutivo, descarte e contagem de leucócitos neste estudo.
O equilíbrio redox é essencial para vários processos biológicos de vacas leiteiras e bezerros. No entanto, quando existe um desequilíbrio entre a produção de oxidantes e as habilidades antioxidantes dos animais, o estresse oxidativo pode se desenvolver, e isso tem sido associado a disfunções imunológicas e metabólicas.
Além disso, em animais prenhes, o grau de estresse oxidativo não apenas coloca as mães em risco de doenças subsequentes durante o início da lactação, mas também tem impacto na prole.

 

zinpro robapaginas
perstorp-pt
Alltech rp
BANNER Tabelas Brasil
Yes
Alltech rp
ABvista
perstorp-pt

REVISTA NUTRINEWS BRASIL

Assine agora a revista técnica de nutrição animal

SE UNA A NOSSA COMUNIDADE NUTRICIONAL

Acesso a artigos em PDF
Mantenha-se atualizado com nossas newsletters
Receba a revista gratuitamente em versão digital

DESCUBRA
AgriFM - O podcast do sector pecuário em espanhol
agriCalendar - O calendário de eventos do mundo agropecuárioagriCalendar
agrinewsCampus - Cursos de formação para o setor pecuário.