Grãos

Uso de DDGS como ingrediente nas formulações de rações para suínos

PDF

Para ler mais conteúdo de nutriNews Brasil 4 Trimestre 2021

Aline Maria Silva Barbosa

Aline Maria Silva Barbosa

Caroline Beatriz de Sousa Faria

Mestranda em Produção e Nutrição de Não Ruminantes pela UFLA.
Caroline Beatriz de Sousa Faria

Izabel Cristina Tavares

Graduanda em Medicina Veterinária UFLA
Izabel Cristina Tavares

Uso de DDGS como ingrediente nas formulações de rações para suínos

milho-ddgs

Died Distillers Grains with Solubles – DDGS é um alimento alternativo para formulação de dietas de suínos e, também, um meio de aproveitamento sustentável do resíduo da produção de etanol à base de grãos.

A energia presente nos grãos secos destilados com solúveis (DDGS) bem como fibra, proteína e fósforo digestível faz com que o alimento se torne atrativo na produção das rações de suínos, em substituição parcial ao milho e farelo de soja.

O DDGS é um coproduto resultante do processo de moagem da produção de etanol, possui coloração marrom e pode se apresentar com tons dourados, e essência característica de alimentos fermentados. No procedimento também é produzido dióxido de carbono e o álcool propriamente dito, combustível (Corassa, et al. 2018).

Subscribe Now!

De acordo com Curry et al. (2018) o uso de DDGS de milho na alimentação de suínos tem aumentado devido a sua:
Acessibilidade,
Alto valor energético,
Além dos percentuais de aminoácidos e
Fósforo disponíveis.

Segundo Wang et al. (2008), o milho foi o primeiro grão a ser usado para a produção de etanol nos Estados Unidos da América, contudo, o triticale e o sorgo também passaram a ser utilizados para o mesmo fim e na alimentação de suínos na forma de coproduto, por meio do DDGS.

Quando se analisa a composição química do DDGS dos três grãos citados acima, os resultados são interessantes para serem incrementados à formulação de dietas de suínos (Tabela 1) .
composicao-ddgs
Apesar do Brasil ser um dos maiores produtores de etanol do mundo, a maior parte da nossa produção atualmente se dá a partir da cana-de-açúcar, mas no último ano, segundo dados da UNICA – União da Indústria de Cana-de-Açúcar em relatório publicado no segundo trimestre de 2021, o etanol proveniente do milho alcançou 2,57 bilhões de litros de produção na safra 2020/21, avanço de 58,13% em relação à safra anterior.

A participação do etanol de milho na fabricação total de biocombustível no Centro-Sul totalizou 8,45%. Estes resultados indicam uma tendência ao:

  • Aumento da produção, e, consequentemente
  • Maior disponibilidade do DDGS de milho no país

Portanto uma oportunidade que deve ser considerada para a cadeia produtiva de suínos.
sorgo-ddgs

BANNER de LALLEMAND
Nuproxa 07-2023
banner basf
Subscribe Now!

Quanto ao sorgo, este é um alimento energético, o segundo cereal em importância para a alimentação de suínos no Brasil é o mais resistente ao estresse hídrico menos exigente em fertilidade do solo que o milho seu valor comercial é cerca de 80% do valor do milho valor biológico alcança 95% do principal cereal.

Em muitos testes recentes, o sorgo com baixo teor de tanino com processamento adequado de ração e formulação de dieta demonstrou desempenho igual para suínos em relação a dietas à base de milho, podendo então, ser um substituto completo do milho na dieta.

Quando se fala em DDGS a partir dos grãos de sorgo, os valores de fibra digestível e energia metabolizável são inferiores aos obtidos com DDGS de milho (Corrassa, 2019). Além disso, alguns trabalhos indicam que uma maior inclusão de DDGS de sorgo provoca piora no desempenho e menor eficiência alimentar para leitões em fase de creche, possivelmente associado à variação na composição nutricional de cada fonte de DDGS, às quantidades de solúveis adicionadas na dieta e a adaptação dos animais.




PARA SEGUIR LENDO REGISTRE-SE É TOTALMENTE GRATUITO


Acesso a artigos em PDF
Mantenha-se atualizado com nossas newsletters
Receba a revista gratuitamente em versão digital




CADASTRO




ENTRE EM
SUA CONTA








ENTRAR


Perdeu a senha?




BANNER de LALLEMAND
banner special nutrients
agriCalendar
biozyme robapagina

SE UNA A NOSSA COMUNIDADE NUTRICIONAL

Acesso a artigos em PDF
Mantenha-se atualizado com nossas newsletters
Receba a revista gratuitamente em versão digital

DESCUBRA
AgriFM - O podcast do sector pecuário em espanhol
agriCalendar - O calendário de eventos do mundo agropecuárioagriCalendar
agrinewsCampus - Cursos de formação para o setor pecuário.