19 Mar 2021

Uso de microalgas na nutrição de tilápia

Os pesquisadores descobriram que uma dieta à base de microalgas misturada com biomassa desengordurada melhorou o crescimento dos peixes e […]

Os pesquisadores descobriram que uma dieta à base de microalgas misturada com biomassa desengordurada melhorou o crescimento dos peixes e ofereceu uma alternativa econômica para os produtores de tilápia.

A indústria de ração para peixes está se afastando do uso de farinha de peixe. Os produtores de ração têm se voltado para grãos e oleaginosas, como canola, milho e soja.
O problema com isso é que os ingredientes à base de plantas têm problemas de baixa digestibilidade e contêm menos aminoácidos essenciais. Eles também carecem de ácido eicosapentaenóico (EPA) e ácido docosahexaenóico (DHA), que são importantes para o crescimento.
Em um artigo publicado na Nature.com, os pesquisadores Pallab K. Sarker, Anne R. Kapuscinski, Brandi McKuin, Devin S. Fitzgerald, Hannah M. Nash e Connor Greenwood realizaram um experimento para desenvolver uma nova fórmula de ração usando biomassa com microalgas marinhas Schizochytrium sp. que é rica em proteínas.
O estudo mostrou que uma combinação de Schizochytrium sp. e a biomassa desengordurada de N. oculata em rações para peixes promoveu melhor crescimento. Os pesquisadores também descobriram que o Schizochytrium sp. foi altamente digestível para tilápia.
“Nossos resultados fornecem uma estrutura para o desenvolvimento de rações sem peixes e a primeira evidência de uma ração de alto desempenho para a tilápia que combina duas microalgas marinhas diferentes”, disse o estudo.
Os pesquisadores acrescentaram ainda, “O avanço do uso de biomassa desengordurada de microalgas em rações aquáticas melhoraria a sustentabilidade da aquicultura, reduzindo sua dependência da farinha de peixe. Combinar proteína de biomassa desengordurada subutilizada com microalgas marinhas ricas em DHA na ração sem peixes resultou em melhor crescimento de tilápia em comparação com peixes alimentados com uma dieta convencional contendo farinha de peixe e óleo de peixe.”
Para ler o artigo completo, clique aqui

SARKER, Pallab K. et al. Microalgae-blend tilapia feed eliminates fishmeal and fish oil, improves growth, and is cost viable. Scientific reports, v. 10, n. 1, p. 1-14, 2020.

Fonte: Nestor Arellano | Hatchery International

zinpro robapaginas Alltech rp
SIAVS
Yes
BANNER Tabelas Brasil
perstorp-pt
Relacionado com Nutrição Animal
SIAVS
ABvista
zinpro robapaginas
Alltech rp

REVISTA NUTRINEWS BRASIL

Suscribete ahora a la revista técnica de nutrición animal

SE UNA A NOSSA COMUNIDADE NUTRICIONAL

Acesso a artigos em PDF
Mantenha-se atualizado com nossas newsletters
Receba a revista gratuitamente em versão digital

DESCUBRA
AgriFM - O podcast do sector pecuário em espanhol
agriCalendar - O calendário de eventos do mundo agropecuárioagriCalendar
agrinewsCampus - Cursos de formação para o setor pecuário.